Mantenha-se atualizado sobre as ofertas Restaurante L'alcofa de Sluurpy

Certificação Sluurpy

Certificate of excellence (Sluurpy)
86
/100
Baseado em 89 parâmetros e revisões.
Atualizado 2020-02-19
Tripadvisor
Tripadvisor
4,0
15 Comentários
Upd.

19/02/2020

Google
Google
4,6
14 Comentários
Upd.

15/02/2020

Descrição

  • Phone number: 5562999080895


Comentários

  • Logo
    AndreaCBastos 2019-07-30

    Estive com minhas crianças fim de semana passado na pousada, e tive uma experiencia maravilhosa no restaurante l'alcofa, pedimos dois pratos de espaguete de linguiça que estavam marvilhosos, só tenho a agradecer ao chef Rafael Nery, pelo belissimo, simples e muito saboroso e a Sommelier Thais pelo bom atendimento e o vinho maravilhoso que me foi servido. Com certeza eu voltarei!!!

  • Logo
    rodrigotorres123 2019-07-30

    Comemos o garoupa com risoto de lagosta e polvo e também um chorizo com risoto de grana padano, ambos feitos pelo chef Rafael Nery, estavam perfeitos os pratos , o ponto da carne inigualável, o peixe suculento delicioso e os risotos ao dente no ponto certo.

  • Logo
    anaalureis 2019-07-25

    Ótimos pratos, no meio do paraíso que é a Chapada dos veadeiros Ressaltando a atenção dos garçons e o ótimo cardápio do chef, muitas variedades até mesmo pra quem é vegetariano

  • Logo
    Lucas Carlos T 2019-07-25

    Meus agradecimentos ao Cheff Rafael Nery! Ravióli de pato magnífico marcante do início ao fim, parabéns ao atendimento todos os funcionários muito prestativos Concerteza voltarei em breve.

  • Logo
    alissonl1973 2019-07-22

    A impressão inicial havia sido a melhor possível, afinal o ambiente era bastante acolhedor, a decoração e a montagem das mesas impecável, o atendimento cordial, chef badalado (Rafael Nery) e um menu e carta de vinhos fantásticos. O jantar foi perfeito, desde a escolha do vinho, das entradas, pratos principais e sobremesas. Os garçons, sempre atenciosos, pecavam apenas no excesso de interrupções para saber se precisávamos de alguma coisa. Enfim, eu e minha esposa terminamos a noite bastante satisfeitos e felizes, e tanto assim o é, que decidimos retornar no dia seguinte para almoçar. Porém, nosso almoço no dia seguinte foi bem diferente do jantar, a começar pela entrada cujo bacalhau que antes acompanhava o camarão ter sido substituído por guacamole e tortilla de milho (sério isso?). Pois bem, resolvemos seguir em frente com outro gole de chardonnay e pedir os pratos principais. O prato que a minha esposa havia pedido na noite anterior estava tão delicioso (uma garopa com risotto de frutos do mar e queijo grana padano) que desta vez fui eu quem o pediu ao passo que ela optou por um risotto de lagostim. Assim que chegaram os pratos foi fácil constatar que havia algo diferente na aparência do meu, afinal a expectativa era a de repetir a mesma experiência da noite anterior. A garopa não estava no ponto exato da noite anterior (dessa vez havia passado um pouco do ponto ideal), mas ainda assim estava saborosa. O problema foi de fato o risotto que a acompanhava e que manchou (literalmente) todo o prato, sobretudo se comparado ao da experiência diante do prato de mesmo nome (e preço) da noite anterior. Não era o mesmo risotto e tenho dúvidas se de fato era um risotto ali, pois havia muito líquido no prato, um líquido arroxeado, que mesmo não comprometendo a refeição e o meu apetite, definitivamente frustrou a expectativa com relação àquele prato que nos havia encantado menos de 24 horas antes. Eu insisti em comê-lo, afinal a garopa se salvava em meio àquele risotto caótico e minha esposa, faminta após um dia de sol e trilhas na mata, se satisfez com seu risotto de lagostim, apesar do prato dela nem longe chegar perto daqueles que havíamos pedido na noite anterior para o mesmo chef. Os garçons, atenciosos como de costume, ouviram atentamente minhas ponderações a respeito do meu prato e então se dirigiram à cozinha para reportar o fato ao chef Rafael Nery. E para minha surpresa e da minha esposa, não é que a atenciosa mas inexperiente garçonete me aparece bem depois, sozinha, desacompanhada do tal chef, e ao invés de trazer ao menos um pedido de desculpas do mesmo, ela se limita a tentar justificar aquele prato "diferente" alegando que o queijo que havia sido utilizado desta vez era um "Faixa Azul" e não o grana padano mencionado na descrição do menu e usado na feitura do mesmo prato na noite anterior. Enfim, ouvir aquilo então foi de fato um balde de água fria, um disparate, e nos deixou sim frustrados, decepcionados, afinal de contas, atribuir à simples troca do tipo de queijo todo aquele resultado final negativo foi de uma infelicidade absurda que nos insultou, sobretudo porque somos um casal de mineiros, e os mineiros podem até botar culpa em tudo, mas nunca no queijo. Porque não fui então alertado antes que o queijo do prato que havia pedido não seria o mesmo utilizado na noite anterior e descrito no menu? Ao menos por isso, o badalado chef Rafael Nery deveria ter se desculpado. Mas enfim, naquele momento eu abri mão da sobremesa e quis logo pedir a conta, mas como minha esposa ainda queria algo doce para comer e a sobremesa de banana em farinha de panko da noite anterior havia sido divina, ela resolveu pedir isso de novo. E não é que tivemos uma outra surpresa negativa? Afinal fizemos esse último pedido para ouvir algum tempo depois do mesmo garçom que naquela sobremesa teria também, pasmem, uma alteração nos ingredientes. Naquele momento indaguei o porquê de não ter sido feita a mesma ressalva na ocasião do pedido principal e minha esposa acabou optando por outra sobremesa, qual seja, uma torta de chocolate que, em derradeira análise, estava apenas oK. Tomamos um café, pedimos a conta e, para arrematar, como a máquina de cartão do restaurante estava defeituosa, tivemos ainda que passar na recepção da pousada Inácia para pagar a conta, frise-se, que se na noite anterior havia sido cara mas também justa diante da experiência que havia sido proporcionada, no dia seguinte foi apenas cara, absurdamente cara. Iria preferir sair dali acreditando que o chef Rafael Nery estava lá no sábado à noite apenas, mas não ontem. Todavia, não foi isso que aconteceu. Ele se encontrava no local, errou bisonhamente no prato que já conhecíamos e apreciávamos, mas optou por ignorar isso. Lamentável!

  • Logo
    Alan S 2019-06-24

    Jantei no lalcofa no dia dos namorados e foi uma experiencia magnifica desde o atendimento e todas as etapas do menu sem duvida o melhor restaurante da chapada dos veadeiros.

  • Logo
    murilosilveiralima83 2019-04-16

    Fizemos a reserva através do Chef Rafael Nery, o atendimento foi de excelência. O restaurante fica dentro da pousada Inácia, os donos da pousada estavam no estabelecimento e foram muito atenciosos conosco. Tem a maior adega do centro-oeste, incrível! O garçom Lucas foi espetacular, amamos tudo, não vejo a hora de voltar. Digo que é um dos melhores restaurantes que já fui. Recomendo demais!

  • Logo
    juliagomesdealmeida 2019-01-14

    O atendimento é maravilhoso, a comida é sensacional e o chef é super atencioso. Os pratos custam caro, mas o sabor vale muito a pena. Foi um dos melhores pratos da nossa vida.

  • Logo
    jo_oe287 2018-08-08

    Estive no último fim de semana neste restaurante. Experiência HORRÍVEL, não aconselho ninguém a comer por lá. Pedimos de entrada um steak tartar, que estava gostoso, mas muito caro (r$56,00) para a quantidade oferecida. Pedimos também uma coxinha que imaginei não ser a famosa coxinha de frango, estava correta mas nada demais para pagar (R$36,00) em seis míseras coxinhas. Pedi uma lasanha terra e mar como prato principal (R$81,00) recebi um prato congelado que não condizia com o cardápio, faltou a lula, o polvo e o presunto parma. Minha esposa pediu um canard com aioli (R$130,00) que estava HORRÍVEL, gosto de frango e a textura do aioli parecia uma maçaroca fria, ela não conseguiu comer nem a metade da refeição e foi embora com fome. Muita decepção. O que salvou foi o sorvete que não é produzido na casa. Em suma, gastamos R$500,00 em uma péssima experiência gastronômica, nos sentimos lesados. Não aconselho.

  • Logo
    muller77 2018-07-31

    Fomos num grupo de amigos neste final de semana, esperando um restaurante com a qualidade de comida à altura de seus preços ULTRA SALGADOS. Em primeiro lugar, o ambiente não tem nada a ver com a Chapada, parece mais um museu velho. Talheres de prata, requinte, porém, com comidaruim. Éramos 14 pessoas, e todos saíram insatisfeitos com seus pratos. Pedi um sirigado, que é um peixe que eu adoro comer no Ceará, e ele veio seco e com o gosto forte de peixe. Uma decepção. Paramos a noite no prato principal e nem quisemos pedir sobremesa. Ficamos lá porque o acesso é distante e andamos muito para chegar até lá...caro, ruim e não volto mais. Um engodo.

  • Logo
    Apochyly 2018-07-30

    Depois de andar 40 min. em estrada de terra pouco cuidada chegamos à Pousada Inácia, no escuro, e foi bastante surpreendente a visão que tivemos. Ambiente despojado, com decoração exagerada, diria até que meio brega. Não havia nenhuma mesa ocupada, sentamos oito adultos numa mesa e os meninos em outra. Ao abrir o cardápio, a primeira coisa que me chamou atenção foram os altos preços cobrados. Os vinhos, nem se fale, numa olhada rápida vi rótulos de mais de R$ 20 mil. Relaxei, pois a fome era grande e já havíamos andado bastante. Pedimos o vinho mais barato (2 garrafas) e pratos individuais. Os pratos kid's chegaram rápidos. Após meia hora chegou parte do pedido que, por sort,e insistimos para fossem consumidos. Ficamos na expectativa de que os demais pratos chegassem logo, mas isso só veio acontecer depois de os demais terem terminado de comer, mesmo assim sob ameaça de cancelarmos o restante do pedido. A lagosta estava mal passada e alguns pratos sem muito sabor. O meu, baião de dois com carne seca, estava particularmente bom, nada além disso. Resumo da noite: Decepção geral, preços exorbitantes, serviço muito ruim e R$ 1.900 de dinheiro "suado" a menos na conta. Um restaurante com essa proposta (mais pra pompa) deveria oferecer muito mais ou, pelo menos, cobrar muito menos.

  • Logo
    Gustavo_Podesta 2018-07-24

    O lugar é muito bonito e sofisticado! Causa uma excelente impressão. Atendentes atenciosos e educados. Carta de vinhos excepcional, com uma grande variedade de vinhos importados, com preços que vão de R$ 100,00 até R$ 20.000,00. Quando se olha o cardápio os pratos parecem ser muito elaborados e de alta culinária. Porém, na prática, quando você recebe o prato, a comida é muito simples, pouco saborosa e com apresentação simplória. O certo é que não valem nem de perto o valor cobrado. Os pratos variam entre R$ 90,00 os mais baratos até mais de R$ 200,00 (pratos individuais). A lasanha terra e mar que eu pedi não tinha os ingredientes descritos no menu (presunto parma) e não foi preparada na hora. Era uma lasanha simples de carne moída, congelada, que foi servido ainda gelada no centro. Tive que devolver para requentar. E olha que o preço da lasanha era 90 reais. O sabor era mediano, nada muito diferente de uma lasanha congelada da Sadia.... resumindo.... foi decepcionante! O local tem um grande potencial e causa uma excelente primeira impressão. Por isso a decepção é tão grande depois que se prova os pratos. Ou o restaurante reduz o preço pela metade para ficar a altura da comida que serve ou tem de melhorar muuuuito para justificar o valor cobrado.

  • Logo
    Greyce1984 2018-05-21

    O lugar é maravilhoso, com uma decoração sofisticada e diferenciada misturando antigo com moderno. As duas adegas são lindas, construídas no meio das pedras no andar debaixo. Como era fora de temporada fomos os únicos naquela noite. Pedimos ao chefe Rafael(jovem muito talentoso) um passeio gastronômico para desfrutar da diversidade do cardápio. E assim ele nos proporcionou uma experiência única! Tudo feito com muito sabor, capricho, apresentação dos pratos impecáveis e o atendimento por parte da sommelier Thais e do Fernando foram perfeitos. Obs: Depois de algumas tentativas (localização do restaurante esta marcada errada nos app. Por tanto procure por Pousada Inácia que dá certo), conseguimos achar o restaurante que fica dentro da Pousada Inácia. Não é preciso estar hospedado nela para usufruir do rest. A estrada de terra tem 14km com alguns trechos que merecem mais cautela. Em dias de chuva intensa melhor não ir!

  • Logo
    renogueira_brazil 2017-07-25

    Restaurante sofisticado que contrasta com o ambiente rústico da Chapada. O cardápio é variado, com massas, carnes, aves e peixes e acompanhamentos deliciosos. A a presentação dos pratos é impecável. A carta de vinhos, bem interessante também! Recomendo o ceviche e o arroz de pato, maravilhosos! Penso que poderiam explorar um pouco da culinária regional, dando o toque de requinte típico do restaurante. Mas é apenas uma sugestão. Mesmo se você não estiver hospedado na pousada Inácia, vale a visita ao restaurante, seja para o almoço, aproveitando a vista incrível da varanda, seja no jantar, para admirar a decoração e as obras de arte do lugar.

  • Logo
    Gustavo M 2017-04-16

    O restaurante L'Alcofa é uma grande experiência na Chapada dos Veadeiros, oferece uma carta de vinhos variada e sofisticada além de um cardápio com comidas deliciosas para todos os gostos. O ambiente aconchegante e com uma decoração refinada encanta a todos.

Restaurantes a Alto Paraíso de Goiás

A avaliação derivada do nosso agregador analítico, “Sluurpometro”, é de 86 baseado em 89 parâmetros e comentários

Para entrar em contato por telefone,basta ligar para o número5562999080895

Menu request

Fill the form for asking the restaurateur to send to Sluurpy the restaurant's menu

1